Sobre o Coaching

Quando decidi fazer Coaching, eu já acompanhava algumas pessoas no Instagram falando sobre o tema.
Claro que rola alguns questionamentos se vale a pena ou não, qual a finalidade… Mas é normal se perguntar isso, eu acredito que seja. rs
No fim quis pagar para ver, dar as caras e ver qual era a desse Coaching. Procurei a Bruna Fioreti, na época ainda Redatora Chefe da Revista Glamour, havia feito um curso com ela na Escola Madre, e nosso santo tinha batido logo na primeira conversa!
Hoje ela se dedica 100% ao coaching, e tem uma página no facebook onde posta uns vídeos e conteúdos bem bacanas para autocoaching.

As conversas eram semanais, não chega a ser uma terapia, mas ela te aconselha e te explora. Te coloca na parede e te “força” a se descobrir, entender o que você realmente gosta e onde quer chagar… É bem focado em carreira, mas como não somos robôs, a carreira e todas as atividades propostas envolvem a vida como um todo. Então quando você passa a fazer mais coisas por si, o universo começa a fazer por você também…

Não é besteira não, a gente recebe a energia que a gente dá. Aquele velho ditado da nossa vó, que a gente colhe o que a gente planta. Exatamente isso… Quando a gente se esforça para fazer algo bacana por nós mesmos, para organizar nossa vida e ter mais produtividade, a gente recebe essa ajudinha do universo sim. E eu falo isso com experiência própria. 🙂

Eu a rainha da preguiça, mudei muito após o coaching, e consegui mudar muito minha vida… e isso vocês vão acompanhar aos poucos aqui. Tem coisas que só dependem da gente, que depende do nosso primeiro passo. De fazer algo realmente por nós mesmos.

Aqui a página da Bru, vale a pena seguir 🙂

Aos poucos vou mostrando um pouco mais sobre este processo, e algumas dicas que recebi da Bru!
Beijos!

Continue Reading

Enfim 2017…

Oi pessoal!
Como dizem que o ano só começa após o carnaval, cá estou eu, sim a sumida, de volta!
Confesso que sumi por uns tempos, mas a vida andava tão corrida, e eu vou contar aqui um pouco de tudo que está acontecendo!

São novidades da vida, vou contar sobre minha mudança, sobre meu processo de coaching, e indicar umas páginas legais, além de lugares, filmes e livros. O blog começa a achar um pouco mais seu caminho, falando um pouquinho mais sobre comportamento, e não mais focado em moda e beleza.

Aos poucos vamos trilhando nossos caminhos e identificando gosto mais para algumas coisas do que outras, e assunto que gostamos mais.

Hoje vim só para contar que não abandonei o blog, e ainda teremos bastante conteúdo bacana vindo por ai!

Beijos! 🙂

Continue Reading

O famoso esmalte em Spray!

Depois de toda a febre dos esmaltes em spray, eu me rendi e comprei um.
Pensando em praticidade e em economizar tempo na hora de fazer a unha, eu resolvi arriscar essa nova ideia.

Claro, que só de pensar em um esmalte saindo em forma de spray eu imagino ele pintando o quarto todo! haha Mas foi menor a aventura.
Comprei o kit da Impala, o NailSpray, na cor preta. Ele custa em torno de R$ 21,00 reais.

img_2085
img_2086
A unha tem que estar limpa, e ai você passa a base que vem junto no kit, espera secar um pouco e aplica o spray. Sempre bom escolher uma superfície adequeada, de preferência com alguma coisa por baixo, (que possa ser manchada, lembre-se, ele faz uma pequena meleca rs). Escolhi uma toalha e parti para o ataque. Depois de aplicar o spray, passa a base novamente e “fim”!

img_2087

img_2088

Na embalagem fala que é só lavar e pronto, unhas lindas. Mas não é bem assim que funciona.
Lavei minha mão por quase 10 minutos na água quente, e mesmo assim sobrou esmalte nas bordas. Tive que arrematar com a acetona mesmo para que ele ficasse bonitinho.
Nesta foto abaixo foi depois de lavar insistentemente as mãos, rs sobrou os cantinhos, e tive que limpar com acetona mesmo. Mas não foi tão difícil por ser cor preto né, que sempre é um parto para limpar rs

img_2089

Claro, que tudo tem seu lado bom, o dele é a secagem rápida. Juro, o esmalte seca cerca de três minutos depois de aplicado. E pronto, vida que segue! Eu dormi em seguida e não ficou amassado nem nada, secagem perfeita! Sem bolinhas, sem manchas.

Gostei do resultado, mas ele não garante praticidade não. A parte mais chata é limpar os cantinhos e mesmo assim tive que faze-lo. Então ele meio que dá no mesmo que fazer a unha com esmalte normal. Não tem uma duração maior também, cerca de 5 dias depois ele já estava saindo…

Mas ele é divertido! rs E foi legal conhecer, além da secagem rápida! Sim, amei essa parte rs

Continue Reading

Encadernação Artesanal

Eu já contei aqui que faço encadernação artesanal. E como entrei de férias recentemente e consegui um tempo maior, resolvi fazer mais caderninhos. Investir meus tempo livre nesses projetos que eu amo fazer.

img_1810

Eu mesma corto do papel, e costuro os cadernos, depois refilo deixando todos os lados mais retinhos, para que ele fique bem uniforme. Após a costura eu passo cola, para ajudar a sustentar o miolo, e então com a ajuda de uma manta dupla face, eu colo o miolo na capa dura, que é revestida de tecido.

img_1815

img_1818

img_1881

A escolha de tecidos é bem legal, penso na cor da guarda que acompanha o tecido, e faço a capa dura com papel paraná. Tudo feito artesanalmente, com muito cuidado.
Vejam, separei algumas imagens para mostrar aqui, é bem bacana este processo, mas exige muito cuidado, principalmente na hora de fazer os acabamentos.

img_1860

img_1869

img_1870

img_1875

img_1868

Todo trabalho artesanal, exige muito cuidado em ser feito, e principalmente nos acabamentos, pois é muito delicado. Mas os resultados sempre valem a pena.
Gasta um tempo, mas acabo que nem vejo a hora passar, porque é tão gostoso de fazer sabe. Um hobby. Como fiz vários, anunciei na minha lojinha do Enjoei alguns, corre lá para ver! 🙂

img_1883

Continue Reading

Fio da Meada – Percepção, Mídia e imagem

Recentemente em um dos eventos oficiais do SPFW N42, aconteceu o Fio da Meada.
Contei um pouco no blog aqui, que é uma das comemorações dos 50 anos do Shopping Iguatemi também.
Tive a experiência de poder fazer parte deste evento, já que infelizmente este ano não consegui ir no SPFW.

img_1837

Eu fui no Bate Papo sobre Percepção, Mídia e imagem.
Giovanni Bianco,
Diretor de Arte renomado, que tem em seu currículo as capas de discos como o da Madona, era mediador de um bate papo super divertido com Camila Coutinho, Anitta e Roberto Martini.
Foi abordado temas como mídias sociais, imagem, discutiram assuntos super bacanas como os tipos de comentários nas redes, e como a nossa percepção tanto de imagem como de tempo vai mudando.

Roberto Martini mostrou um ponto de vista muito interessante sobre a percepção de tempo, e porque achamos que cada vez menos temos tempo. Por exemplo, quando não tinhamos tantos compromissos e internet deixando tudo cada vez mais rápido não tinhamos essa impressão de menos tempo. Mas quanto mais compromissos temos menos tempo temos, estamos tão cheio de coisas e correrias que temos a percepção de que o tempo não é suficiente.

img_1843

Também falamos sobre a comunicação, e como temos que por emoção nisso. A emoção faz as marcas, nos aproxima delas. Como cada vez menos temos tempo, temos pressa e imediatismo, as marcas precisam ter sua singularidade, manter a criatividade sem perder a emoção.
Falamos da importância de não se deixar seduzir pela audiência fácil, e sempre manter seu posicionamento.

Foi discutido também porque cada vez mais temos a audiência de crianças, e como elas tem amadurecido cada vez mais rápido. Anitta vez uma análise super bacana sobre isso, e comentou como o fim da publicidade infantil influenciou nisso. As grandes mídias, como a Globo por exemplo, com o fim da publicidade infantil, parou de ter programação infantil, então aquela criança que antes via desenho todas as manhãs, agora vê apenas programas de adultos, assim “amadurecendo” cada vez mais rápido. Se perdeu aquela infância que nós tinhamos. E isso leva cada vez mais jovens para a internet, e por isso eles passam cada vez mais tempo online, um mundo onde não se tem classificação de idade, todo mundo pode ver tudo.

img_1845

Sobre as análises dos comentários nas redes sociais, discutimos muito sobre como as pessoas querem que você seja cada vez mais verdadeiros mas não estão prontos para isso. Querem que você seja sincero mas não aceitam tanto a sinceridade. As pessoas estão sempre prontas para atacar, para pegar um comentário seu e bombardear de críticas. Discutimos muito sobre se expor na internet de forma mais sincera e sempre “relevar” os comentários maldosos, respondendo da forma mais agradável possível.

Foi muito bacana o bate papo, visão diferentes de pessoas completamente diferentes. Achei super divertido, e interessante. Sabe daquelas palestras que você nem vê o tempo passar.
Foi muito bom! 🙂

img_1840

img_1841

Continue Reading